Artigos

Blefaroplastia: uma cirurgia para renovar o olhar

Seja pelos efeitos da idade, começando a aparecer por volta dos 40 anos, pelos fatores genéticos ou stress e noites mal dormidas, os papos nos olhos, o aumento de olheiras e o excesso de pele das pálpebras são um grande incómodo para muitos homens e mulheres. Mas graças à blefaroplastia, este é um problema com solução!

A blefaroplastia é uma cirurgia simples, capaz de rejuvenescer o rosto e, em particular, o olhar, eliminando os sinais da idade na zona dos olhos através da reconstrução palpebral. Este é um procedimento que não necessita de internamento, tem duração de 30 minutos a uma hora e pode ser realizado com anestesia local ou sedação. Contudo, esta última opção é aquela que permite um maior conforto para o paciente.

O pós-operatório não é doloroso e, regra geral, são necessários 15 dias para a recuperação, período no qual fica edemaciado e com equimoses. Assim, para facilitar a recuperação, é recomendada a aplicação de gelo durante os primeiros dias, podendo continuar com a sua vida normal após a cirurgia.

Também não precisa de se preocupar com cicatrizes, uma vez que estas ficam escondidas, tornando-se impercetíveis ao fim de quatro semanas a dois meses. Além disso, após 15 dias já se pode maquilhar, o que permite disfarçar as cicatrizes na fase inicial.

Importa referir que esta cirurgia não está apenas associada a questões estéticas, mas também de saúde. Por exemplo, a blefaroplastia, principalmente das pálpebras superiores, ao retirar o excesso de pele, dá a sensação de ver melhor e de um maior campo visual. Por outro lado, na população idosa, permite corrigir a flacidez da pálpebra inferior, evitando que esta se afaste do globo ocular e crie uma inflamação crónica da córnea.

Em mãos experientes, as complicações são extremamente raras. Por isso, na hora de escolher um cirurgião, opte sempre por um profissional com experiência e sensível a este aspeto. Desta forma, vai conseguir um resultado natural, assegurando a forma inicial da sua fenda palpebral.



voltar